Sinopse

Nós que nos queremos tão pouco conta a história de duas irmãs, Mara e Antônia, separadas por um segredo familiar. O reencontro acontece a partir da necessidade da exumação do corpo da mãe, morta em acidente de carro que está sob investigação policial, na sua cidade natal de Novo Hamburgo, no Rio Grande do Sul. A reunião com o pai, Constâncio, e com a casa que guarda as memórias vividas traz sentimentos, tensões e revelações que poderão transformar suas vidas.

Contexto

Nós, que nos queremos tão pouco, conta a história de uma família devastada pelo abuso sexual intrafamiliar e pelas consequências deste trauma.
Apesar de o filme ser ficcional, o abuso sexual ocorre em todo o mundo e os países com os maiores índices do crime mostram que ele é global:
No Brasil, estima-se que o abuso sexual contra crianças e adolescentes atinja mais de 30% da população;
na África do Sul, uma criança é estuprada a cada três minutos;
na Índia, a taxa de abuso sexual de crianças subiu 336% de 2001 a 2011;
no Reino Unido, uma em cada 30 crianças foi abusada e 90% destas crianças foram abusadas por alguém que conheciam;
nos Estados Unidos, estima-se que existam 42 milhões de sobreviventes de abuso sexual.

Ficha técnica

MARGEM CINEMA BRASIL, ESTAÇÃO FILMES
e LAYEPAS PRODUÇÕES ARTÍSTICAS apresentam
um filme de LISIANE COHEN
com RUI REZENDE, JULIA LEMMERTZ,
FERNANDA CARVALHO LEITE, LUÍZA LEMMERTZ,
JOÃO FRANÇA E CÁSSIO NASCIMENTO

“NÓS, QUE NOS QUEREMOS TÃO POUCO”

direção de fotografia MAURÍCIO BORGES DE MEDEIROS
música PEDRO FIGUEIREDO montagem DANIEL DODE
produção executiva PRISCILA GUERRA e CEICÇA BOAVENTURA
baseado no texto teatral de RUI REZENDE
roteiro e direção LISIANE COHEN